Embaixada do Japão

Isenção da Taxa de Visto para Estrangeiros que Visitam as Províncias de Miyagi, Fukushima e Iwate

9 de novembro de 2011

Com a finalidade de estimular a reconstrução das áreas afetadas pelo Grande Terremoto do Leste do Japão, não será cobrada taxa de visto para os estrangeiros que visitarem a região formada pelas províncias de Miyagi, Fukushima e Iwate, caso os documentos apresentados preencham os requisitos relacionados abaixo.

Para obter mais informações sobre o assunto, entrar em contato com a Embaixada do Japão ou o Consulado-Geral do Japão mais próximo.

1. Requisitos para isenção da taxa de visto:

(1) Situações aplicáveis:
1-1. Solicitação de visto que não seja de curta permanência, para pessoas que pretendam residir, trabalhar ou estudar naquela região;
1-2. Solicitação de visto de curta permanência, para pessoas que pretendam visitar aquela região.

(2) Duração:
Válido para os vistos que forem solicitados entre os dias 15/11/2011 e 31/03/2016.

2. Documentos necessários;
Além dos documentos normalmente exigidos, apresentar aqueles relacionados abaixo:

(1) Solicitação de visto que não seja de curta permanência:
Apresentar documentos que comprove a localização de sua residência, local de trabalho ou instituição de ensino na região acima referida.

(2) Solicitação de visto de curta permanência:
2-1 Roteiro da viagem no Japão (itinerário)
2-1 Documentos que comprovem a viagem à região acima referida:
Um dos seguintes documentos:
Reserva de hotel, reserva de passagem (aérea, de navio, ferroviária), reserva de excursão naquela região, reserva ou ingresso do evento a ser realizado na região, ou convite para o congresso a ser realizado na região.

Obs.: Caso não for apresentado um dos documentos citados acima, a isenção da taxa de visto não será concedida.

Termos de uso  |  Acessibilidade  |  Política de privacidade

Copyright © 2012 - Embaixada do Japão - Todos os direitos reservados